segunda-feira, 27 de maio de 2013

Agar de Morango e Maçã


          Agar-agar é o nome malaio para diversas algas ricas em agarose e que são geralmente conhecidas por ágar-ágar. Fico pelo nome malaio que resulta mais fácil de articular.
O agar-agar é uma alga com muitas aplicações e que se usa em culinária pelo poder extraordinário que possui de gelificar líquidos, de facto muito superior ao da própria gelatina. Esta capacidade e o facto de contribuir para diminuir a absorção de gorduras, fazem do agar-agar o meio ideal para transformar frutas numa sobremesa atraente, saborosa e com o valor calórico que lhe quisermos dar.
A receita que aqui deixo é sem açúcar, mas pode ser adoçada à medida da cada gosto, com açúcar, mascavado, adoçante, mel, etc. e é ideal para o aproveitamento daquela fruta que apresenta uma parte tocada mas que, retirada, deixa a peça boa embora pouco apresentável.

Ingredientes:

350g de morangos
125g de maçã ralada
5g de ágar-ágar
1,5 dl de água
2 iogurtes naturais

Preparação:

Esmague os morangos.
Junte a maçã ralada no ralador mais grosso
e leve ao lume. Quando a maçã estiver cozida a seu gosto, adicione então os iogurtes e o ágar-ágar, previamente dissolvido na água a ferver.
Se usar ágar-ágar em pó, essa dissolução é muito rápida; se usar ágar-ágar em rama (flocos) pode ajudar passando com varinha durante o cozimento.
Mexa bem o agar com a fruta, vaze para formas individuais ou para uma forma de tamanho adequado (usei, na falta, uma tigela e um copo)
e leve ao frigorífico até gelificar,
o que é muito rápido e até sucede, ao contrário da gelatina, à temperatura ambiente.

2 comentários:

Robert Lucas Holubovski disse...

Blog excelente parabens... Obrigado por compartilhar seu conhecimento...

wahyud disse...

Obrigada, fico feliz em visitar aqui
obat stroke