sábado, 21 de janeiro de 2017

Sopa de catacuzes com feijão e presunto

         É daquelas sopas telúricas que fazem uma refeição inesquecível nos tempos frios.
Ao prazer do sabor único soma-se o prazer do uso de uma planta dessas que nascem sem licença num ermo qualquer
onde acabam como pasto de alguma ovelha que ali ande ou simplesmente arrancadas como erva daninha.
São assim os deliciosos catacuzes, que já foram alimento de pobre em tempos de miséria, despontam viçosos por todo o lado quando chega Janeiro e que, juntamente com as acelgas, urtigas, beldroegas, dentes-de-leão e tantas outras “ervas”, vão fazendo as delícias da meia dúzia de entusiastas destas maravilhas que, sem ninguém as semear ou cuidar, vão estando disponíveis, grátis, para quem as conheça e queira apanhar.

Ingredientes:

Gordura de presunto
Cebola
Louro
Alhos
Catacuzes
Pimentão fumado
Sal e pimenta
Feijão catarino ou manteiga, cozido
Pão duro

Preparação:

Frite em lume moderado alguns pedaços de gordura de presunto,
de modo a extrair a gordura e formar pedaços de torresmo, que deve reservar.
Refogue nesta gordura a cebola picada, os alhos, a pimenta e o louro.
Quando começarem a alourar, junte então os catacuzes cortados em juliana grossa, o pimentão fumado
e deixe murchar com a panela tapada, juntando alguma da água onde cozeu o feijão.
Adicione por fim o feijão
e a água que for necessária, tempere de sal e deixe ferver mais uns minutos.

Sirva sobre pão duro,
acompanhado de presunto cru e dos torresmos.

1 comentário:

Maria Gloria D'Amico disse...

Uma refeição completa e sublime!