sexta-feira, 8 de abril de 2011

Caldeirada de choco com mandioca


..................... Chamei-lhe caldeirada um pouco na onda maria-vai-com-as-outras, agora usa-se chamar assim a qualquer guisado, mesmo monovarietal como é o caso deste, onde a novidade foi a inclusão de mandioca fresca no lugar tradicionalmente ocupado pela batata. Consegue-se assim, porque a mandioca se desfaz mais facilmente, um molho mais grosso e apurado sem utilizar tanta batata, com algum ganho para a linha, agora que a praia vem aí e os quilitos a mais começam a gritar.

Ingredientes:

Choco (com o conteúdo dos sacos castanhos)
Cebola
Alho
Louro
Polpa de tomate
Pimento verde e vermelho
Azeite
Salsa
Sal e pimenta
Mandioca fresca
Ervilhas
Alface

Preparação:

Refogue num fio de azeite a cebola, alhos, pimentos, tomate e louro. Junte um copo de água fria e logo o choco, o conteúdo dos sacos castanhos e salsa;
. quando levantar fervura, tempere de sal e pimenta, tape e deixe em lume baixo até o choco estar tenro, o que demora entre 45m e uma hora.
Junte então a mandioca em pedaços pequenos e deixe ao lume até ela se apresentar quase translúcida, sinal que está cozida, altura de adicionar as ervilhas, cuja cozedura comandará o fim da confeção da "caldeirada".
.
Sirva com salada de alface temperada com sal, azeite e vinagre, num prato à parte
. ou, se como eu gostar de sentir no prato a mistura entre o molho denso do guisado e o vinagre fresco da salada, no mesmo prato.
.
Acompanhei com este branco de Pegões, o Dona Helena. Feito com Fernão Pires, Arinto e um pouco de Moscatel, apenas suficiente para, sem o tornar um Asti, fazer deste vinho um caso de leveza e frescura que valeu a pena conhecer.

4 comentários:

anna disse...

Pois é, faço muitas vezes com batata, nunca com mandioca, mas só porque nunca calhou... e que belo aspecto tem esta, uma tentação de caldeirada.
Beijinhos.

Bruno disse...

Caro Luís Pontes, sou de Lisboa e tenho 28 anos e apenas queria dizer que há mais de um ano que acompanho o seu blogue e que o caracterizo como o melhor blogue culinário que conheço. Para este facto contribuem o seu excelente gosto pessoal e a forma prática como cozinha e como descreve a "cozinha". Muitos parabéns

cupido disse...

Curiosa essa utilização da mandioca que é ingrediente de que me lembro de usar na forma de farinha a apenas a acompanhar feijoadas. Lá terei que ensaiar algo com mandioca...

Paulo disse...

Soa bem... parabéns! Faz-me lembrar Cabo Verde, onde vivi dois magníficos anos!