sexta-feira, 12 de junho de 2009

Potas Recheadas com Arroz de Cogumelos Palha

Lulas e as suas primas pôtas são, pela forma alongada e fechada dos seus tubos, cefalópodes ideais para rechear.
Prato vistoso, com aroma e sabor intensos e de agrado geral, é um daqueles que valoriza ingredientes simples e, apesar de ser algo trabalhoso, vale a pena resistir à oferta já preparada que polula nos supermercados e que é muito, muito pobre no sabor conseguido.
.
Ingredientes (3 pessoas):
.
6 Lulas ou pôtas com 1 palmo (o tubo)
2 cebolas médias
2+2 dentes de alho
2 ovos cozidos
1/2 Chouriço de carne de argola
3+3 colheres de sopa de azeite
Sal, pimenta preta, cravinhos(3), pimentão doce, salsa ou coentros frescos.
Tosta ralada clara
.
Preparação:
.
Amanhe as lulas ou pôtas deixando a pele e as "barbatanas", aquelas asas junto da extremidade.
Coza as cabeças e os ovos durante cerca de 45minutos para as potas e 25-30 para as lulas. Escorra e reserve a água de cozedura.
Pique uma cebola e dois dentes de alho e refogue-os em 3 colheres de sopa de azeite, junte as cabeças cortadas em pedaços e o chouriço em pequeníssimos cubos, tempere com sal, pimenta preta e pimentão doce e um pouco de noz moscada raspada no momento. Envolva e deixe fritar ligeiramente até não sobrar qualquer líquido aquoso.
Junte então os ovos cozidos picados e a salsa ou coentros, regue com sumo de limão e envolva tudo com duas colheres de sopa de tosta ralada.
Encha os tubos com este recheio apenas até pouco mais de metade e feche-os com um palito.
Numa caçarola anti-aderente refogue a outra cebola e os alhos no restante azeite. Tempere com sal, pimenta preta e cravinhos e ponha as lulas recheadas neste refogado.
As lulas reduzem de modo dramático e começam a libertar muito líquido o que deve ser encorajado, picando-as com um palito aguçado, muitas vezes de cada lado o que faz sair pequenos esguiços de líquido.
Esta operação faz-se de modo continuado até ao fim da confecção. Sempre que este líquido acabar e começar a fritar a lula, junta-se um pouco do líquido de cozedura para não deixar queimar.
Ao fim de 30 minutos as lulas estão com uma bela cor dourada e já não deitam líquido quando espetadas. O cozinhado está pronto.
.

O arroz do acompanhamento é um carolino feito com azeite, cebola, alho e cogumelos palha. Estes cogumelos têm a forma de azeitonas grandes e são deliciosos. Vendem-se nas casas de produtos chineses na área do Martim Moniz.
Usei também, só no fim, uma mão cheia de azeitonas descaroçadas.

4 comentários:

anna disse...

Luís, quando escreve «coza as cabeças e os ovos durante 45 minutos», está a falar de que ovos?
Adoro lulas e faço-as muitas vezes recheadas... quanto às potas, embirro um bocadinho com elas, porque as acho rijas e com um sabor muito forte...
Concordo consigo quando diz que as lulas recheadas já prontas e congeladas deixam muito a desejar...
Os cogumelos palha atiçaram-me a vontade de fazer uma visita ao Martim Moniz.
Beijinhos.

pipoka disse...

E eu que sou visita assídua das mercearias do Martim Moniz nunca me deu para experimentar esses cogumelos...

LPontes disse...

Anna, tem razão! Os ovos são os que eu indiquei "ovos cozidos", mea culpa.
Bom, na realidade, apesar de ter dito nos ingredientes que eram cozidos, claro que aproveito a cozedura das cabeças e ponho lá os ditos a cozer durante 12-15 minutos, depois tiro-os para não ficarem com a gema verde!

Bom fim de semana.

gasparzinha disse...

Lulas recheadas só mesmo assim: melhor comer menos vezes, mas recheadas pelas minhas mãozinhas!

Estes cogumelos é que desconhecia: vão para a lista para a próxima visita ao MM.