sexta-feira, 4 de Março de 2011

Doce de Laranja Amarga

....................... É o mais britânico dos doces, atingindo a sua expressão mais refinada quando usado sobre torradas previamente barradas de manteiga, com chá. É muito fácil de fazer e muito difícil encontrar de boa qualidade à venda. O problema mais vulgar é o de arranjar verdadeiras laranjas amargas, que são as laranjas bravas.
O sítio onde será mais fácil encontrar é junto dos viveiristas de árvores, pois estas laranjeiras bravas são usadas como "cavalo" para os enxertos de laranjeiras doces. Outra possibilidade é nos pomares antigos abandonados, onde as laranjeiras e limoeiros morreram, tendo sobrevivido a parte da árvore brava, abaixo do enxerto.
Estas vieram de um antigo limoal de Vendas Novas, onde os velhos limoeiros dão agora laranjas amargas.
.
Ingredientes:
.
5 laranjas + 1 limão
sumo de 2 limões
1 litro de água
1 kg de açúcar
.
Preparação:
.
Laminar as laranjas e o limão, de preferência num laminador velho pois o ácido da laranja estraga as lâminas.
.
Toda o fruto é laminado em juliana fina, casca e polpa, à medida que vão surgindo os caroços, põe-se num copo com água.
Cobrir os frutos laminados com a água e deixar de 24 a 36 horas a macerar. Ao fim deste tempo a pectina que os caroços geram é tanta que a água que os cobre está com a consistência de uma cola e aguenta em pé uma colher.
..
Levar ao lume a fruta e água onde macerou, com a geleia que se formou no copo dos caroços e deixar cozer em lume baixo por 20minutos. . Juntar o açúcar e deixar ferver por cerca de 30 minutos em lume baixo, mexendo de modo a não deixar pegar, o que escureceria o aspeto cristalino final do doce.
Com as quantidades indicadas, o doce fica, após arrefecimento, duro como uma marmelada e pode ser cortado em fatias.
. Se quiser que fique mais "de colher", use 1,5 l de água, 1,3kg de açúcar e não ponha o sumo dos 2 limões suplementares.
.
Nota: Laranja Amarga para culinária

A laranja amarga é um poderoso e refinado aromatizador para assados, estufados, purés, pastelaria, etc.
Para conseguir esta laranja amarga culinária faça exatamente como para o doce, reduzindo a água para metade e o açúcar para um terço. Guarde em pequenos boiões pois usa-se uma pequena quantidade de cada vez.

4 comentários:

anna disse...

Eu fiz igualzinho ao teu e ficou mais de colher, embora excelente de sabor.
Adoro em tostas, sobre queijo de cabra.
Obrigada por tudo!
Beijinhos.

cupido disse...

Ora aí está um doce que não me importava de experimentar. Infelizmente, não terei grandes hipóteses de arranjar laranjas amargas.

Lídia Fernandes disse...

Bom dia,
Gostaria de lhe perguntar se os caroços das laranjas (não amargas) também possuem essa quantidade de pectina.

Gosto muito de ler o seu blog. Continue a partilhar connosco a sua sabedoria.

Lídia

Marina Cornibert disse...

Eu tenho no conjunto de Iguarias Gourmet, uma linha feita para cesta especiais e kit promocional! incrivel ;-) a minha versão vou incluir http://marinacornibert.blogspot.com.br/
pedidos:marina_cornibert@hotmail.com