segunda-feira, 23 de março de 2009

As Receitas de Corto Maltese

Corto Maltese foi (é!) o meu herói.

Tardio, apareceu já no início da adolescência e rapidamente se tornou no meu herói tutelar, destronando os Tio Patinhas, Super Homem, Mandrake, Fantasma, Major Alvega, Batman, meus companheiros da infância.
Ainda hoje é personagem central dos wallpapers e screensavers deste écran onde vos escrevo.
Hugo Pratt, o autor, morreu em 1995 e deixou, além dos eternos 25 álbuns desta "literatura desenhada", as aventuras do seu alter ego Corto, projectos, pranchas, esboços, intenções em que o seu amigo-cúmplice- confidente de sempre, Michel Pierre, tem pegado para continuar a desvendar esta obra monumental e inacabada.
É o caso do volume "As Mulheres de Corto Maltese", de "Literatura Desenhada" e deste "Carnet de La Cambuse- Les Recettes de Corto Maltese" que a editora Casterman deu à estampa em 2007, apenas em francês e que é um espantoso livro de receitas do universo de viagens de Corto, das Rotas do Sal de Portugal ao Báltico, das do Rum das Antilhas à Europa, das viagens das especiarias deixando as Celébes ou as Molucas em direcção a Anvers, Londres ou S.Francisco.
São receitas do mundo de Corto Maltese, mas não são anacronismos ou curiosidades de livro aos quadradinhos; adaptadas e testadas por excelentes mestres das mais modernas cozinhas de fusão, formam um impressionante acervo de receitas " de la cambuse*", receitas que poderiam ter sido feitas no mar alto ou nos portos de abrigo, nas cozinhas dos velhos barcos em que Corto percorria os sete mares nas suas aventuras.
Com um grafismo poderoso, em forma de caderno de bordo manuscrito e repleto de aguarelas do próprio Pratt, este livro que vos recomendo vivamente (em Portugal é raro mas a Amazon ainda tem), será um guia para próximas experiências na cozinha que alimenta este blog, viagens ao sabor dos ventos, correntes, contrabandos e cabotagens aventurosas de Corto Maltese.

*Cambuse - Armazém de víveres de um navio, normalmente anexo à cozinha.

4 comentários:

cupido disse...

eh eh eh; eu era mais patinhas e asterix;

não conhecia esse albúm.

anna disse...

Nunca tinha «ouvisto», sério...
Mas fiquei curiosa!
Beijinhos.

Miguel Azevedo Peres disse...

As receitas de Corto Maltese..?!
Genial! Pena só haver em francês...
Parabéns pelo blog é bastante interessante!

gasparzinha disse...

descobri hoje o seu blog e fui vendoe gostando.
e algo me dizi: continua que vais encontrar algo especial.
E encontrei!!
Eu sou absolutamente fã do universo Corto Maltese, desde nova, emais ainda quando no 2º ano da faculdade de arquitectura nos foi pedido que para ele projectássemos um abrigo temporário do atol do bugio.
Um mergulho de cabeça.!

Adorei esta sugestão e irei já ao site da amazon ver o que se arranja.
Obrigada pela dica e parabéns pelo blog. :)