quinta-feira, 29 de maio de 2008

Iogurte Escorrido



O uso de iogurte como substituto das natas em molhos , recheios ou como tempero de saladas, tem sido muito abordado aqui na "esfera" nos últimos dias.
Claro que é aliciante ter algo que possa substituir um ingrediente que, para a maioria de nós (ai!ai!) é mais que pecado, é quase um crime calórico.
Comecei a fazer experiências culinárias com iogurte há vários anos, inspirado nas técnicas indianas, quase sempre por altura das tentativas infrutíferas para repor alguma "linha".
Os problemas mais comuns levantados pelo uso de iogurte simples são, por um lado, a quantidade excessiva de soro que contêm e que leva a que "talhem" facilmente quando o molho volta ao lume, por outro a acidez demasiado láctea que apresentam ao paladar e que provém do ácido láctico presente nesse mesmo soro.
Um e outro problemas são resolvidos imediatamente pela operação que a seguir descrevo, de uma simplicidade desconcertante e que dá origem a algo que, do ponto de vista dos sabor, consistência e uso, anda muito perto de um "suissinho", do Philadelphia ou do Mascarpone.
Desprovido do azedo cartacterístico e com uma untuosidae magnífica que desmente os apenas 7% de matéria gorda que contém, é presença diária entre tantas outras utilizações, como "manteiga" das torradas dos meus pequenos-almoços.

Ingredientes:

8 iogurtes naturais, 3,5% m.g.
1 colher de sopa de Azeite Virgem
Flor de Sal

Preparação:

Faça isto pela hora de jantar.
Despeje os iogurtes num passador de rede fina e ponha este apoiado numa panela ou tigela vazias, a escorrer.
Antes de ir dormir, incline o passador. Verá que se formou junto à rede uma "pele" mais seca. Com a ajuda de uma colher empurre essa camada mais seca para dentro da massa, de modo a que no seu lugar fique iogurte menos escorrido, que estava por cima. Deixe assim o resto da noite.
De manhã, vaze o conteúdo do passador (que estará reduzido a metade do peso iniciaal) para uma tigela, adicione Flor de Sal (ou simplesmente sal) e o azeite e bata bem até ficar uma pasta lisa e brilhante.
Bom pequeno-almoço!

Notas:

Se fizer esta preparação apenas para os molhos e saladas, não precisa juntar o azeite, claro. Eu uso o azeite porque faço uma quantidade grande e depois uso para tudo, culinária e barrar.
Esta pasta aguenta limão ou vinagre sem dessorar, o que não acontece com o iogurte normal e porta-se no lume, melhor que natas.
Oito iogurtes pesam cerca de 1200g e escorrem sensivelmente 600g de soro, pelo que a matéria gorda passa a ser de 7%. Com o azeite indicado a m.g. fica perto dos 10% mas com incremento da qualidade.
Uso iogurtes meio-gordos de Linha Branca, dos mais baratos. Os iogurtes magros perdem dois terços do seu peso e ficam algo "ásperos" mas claro que serão opcção em dietas rigorosas.
Após escorrido, todas as adições de sabores são possíveis. Uso muitas vezes o alho (em pó, pois fresco torna-se difícil de dosear), coentros, orégãos, pomodori secchi moído, pimenta, pimenta verde esmagada, etc., para as pastas de barrar no pão.

9 comentários:

psychic disse...

Tenho que dizer que adorei esta dica/receita... e ainda por cima porque faço eu os meus iogurtes!! De facto ficará muito mais em conta e muitíssimo mais saudável!

Muito obrigada!

risonha disse...

o que posso dizer???
fiquei fascinada. obrigado pela dica e pela explicação tão pormenorizada...
A-DO-REI!!!!
e quando sair do trabalho a primeira coisa que vou fazer é ir ao supermercado comprar iogurtes naturais para fazer este processo de "escorrimento" esta noite mesmo.
a ideia de poder usar nas torradas do pequeno almoço deixou-me encantada.

mas agora tenho duas dúvidas:
1ª para usar nas torradas também se tempera com sal e azeite?
2ª deve guardar-se em recipiente de plástico ou de vidro? e quanto tempo se aguenta no frigorífico?

pode responder-me por mail?
ficar-lhe-ia muito grata.

risonha disse...

caro Luis, não percebo a razão de não conseguir enviar-me mails...
eu já lhe enviei mails por duas vezes, a propósito do polvilho dos pães de queijo, mas às tantas se calhar nem os recebeu.

o meu mail é
cozinhadarisonha@gmail.com

cupido disse...

Este iogurte parece-me uma coisa bem interessante; ainda por cima vi uns iogurtes com ervas no blogue da risonha e fiquei com vontade de experimentar umas "brincadeiras" com iogurte (por acaso este fim de semana estava a pensar em fazer um borsch).

anna disse...

Fascinante! Vou ter de experimentar ou não me chame eu Ana Maria...

Pão, Bolos e Cia. disse...

Gostei da dica. Uso iogurtes na culinária mas nunca me tinha lembrado de escorrer assim o soro, apenas tiro aquele que está ao de cima do iogurte.
Vou experimentar. E já vi que também gasta os mesmos iogurtes que eu, do LIDL, lol

文章 disse...

走光,色遊戲,情色自拍,kk俱樂部,好玩遊戲,免費遊戲,貼圖區,好玩遊戲區,中部人聊天室,情色視訊聊天室,聊天室ut,成人遊戲,免費成人影片,成人光碟,情色遊戲,情色a片,情色網,性愛自拍,美女寫真,亂倫,戀愛ING,免費視訊聊天,視訊聊天,成人短片,美女交友,美女遊戲,18禁,三級片,自拍,後宮電影院,85cc,85cc免費影片,免費影片,線上遊戲,色情遊戲,日本a片,美女,avdvd,色情遊戲,情色貼圖,女優,偷拍,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站,成人論壇,080聊天室,080苗栗人聊天室,免費a片,視訊美女,視訊做愛,免費視訊,伊莉討論區,sogo論壇,台灣論壇,plus論壇,維克斯論壇,自拍

José Meirinho Esteves disse...

Fantastico!! :) quanto tempo se aguenta o preparado com o azeite?

sou super agradecido!! :)

Miguel Rodrigues disse...

Também funciona com um pano de linho velho (entrelaçado mais lasso) preso à tigela por molas da roupa. :)